Grupo Cartão de Todos

De família para famílias: Grupo Cartão de TODOS completa 22 anos com um modelo de Administração Solidária voltado à acessibilidade a serviços

*Esse texto foi gentilmente cedido pela assessoria de imprensa

Focado em desenvolver e oferecer soluções que auxiliam as famílias de baixa renda a acessarem produtos e serviços essenciais de modo facilitado, o Grupo Cartão de TODOS chegou aos seus 22 anos neste mês de setembro, com um amplo portfólio de conquistas que inclui: uma base de mais de 16 milhões de filiados; 800 unidades espalhadas por todo o Brasil, além das presentes na Colômbia; seis Unidades de Negócios; diversas Empresas Parceiras Táticas, desenvolvidas na incubadora do Grupo, e parcerias com dezenas de gigantes do varejo brasileiro.

O Grupo é liderado pela família Vilar, no modelo de capital fechado, e nasceu na cidade mineira de Ipatinga, na região conhecida como Vale do Aço, em 2001. Criado pelo ex-metalúrgico Altair Vilar, o conglomerado desenvolvido com o objetivo de alcançar 5 mil núcleos familiares em Minas Gerais, atualmente atende mais de 8% da população nacional em todas as cidades brasileiras com mais de 100 mil habitantes.

O fundador e atual presidente do Grupo, Altair Vilar, atribui as conquistas ao apoio de seus filhos — Tales, Ícaro e Aquiles — e da esposa, Mara, que foram os primeiros vendedores do Cartão de TODOS e atualmente seguem como Vice-presidentes de diferentes áreas no conglomerado. “O Cartão de TODOS foi criado como uma iniciativa de família para famílias. Por isso, mantemos o nosso capital fechado e fiel a atender as demandas do público brasileiro de baixa renda. Seguindo este princípio, nosso crescimento tem sido exponencial desde o primeiro ano, isso porque nosso modelo de negócio é baseado em capilaridade, na diversificação de segmentos em que atuamos e no respeito aos nossos filiados e à realidade enfrentada por eles”, pontua o empresário.

Como destaca Altair Vilar, as ações do Grupo Cartão de TODOS são embasadas pelo modelo gerencial de Administração Solidária, criado pelo ex-metalúrgico e que prevê o lucro como uma consequência do verdadeiro foco das iniciativas que integram o conglomerado, que é contribuir para a melhora da situação social nacional. Com base no modelo gerencial, o Cartão de TODOS oferece acesso a benefícios em saúde, educação e lazer, por meio de uma taxa mensal de R$ 29,70, a qual dá direito ao uso de uma série de vantagens não só pelo contratante, mas também por até sete dependentes que integram sua família, incluindo cônjuge e filhos com até 21 anos.

O conglomerado com caráter de empresa familiar, atualmente, atende mais de 5 milhões de famílias, além de reunir centenas delas em suas unidades, que contam com mais de 30 mil colaboradores.

A importância das famílias como temática da campanha de 2023

Com o slogan “Cartão de TODOS é da família”, o Grupo lançou sua campanha publicitária de 2023 com o casal Taís Araújo e Lázaro Ramos enquanto protagonistas e embaixadores da marca. A campanha com os atores teve como objetivo traduzir a essência do Grupo e foi composta por peças em diversas mídias, como redes sociais, vídeos para endomarketing, ações no PDV e filmes disponíveis para acesso no Canal do YouTube do Cartão de TODOS.

Leia também: Kayky Brito recebe alta hospitalar após quase um mês

A ideia da campanha, na qual os atores, caracterizados, interpretam cinco diferentes personagens de uma mesma família — um casal de meia-idade (mãezona e paiêee), dois idosos (vovó e vozão) e uma jovem adolescente (filhota) — nasceu da junção das especificidades dos artistas com o próprio Cartão de TODOS. Como explica Alexandre Veras, CEO da GT7, unidade de negócios responsável pela comunicação da marca, a escolha do casal se baseou na autoidentificação do público e também se relaciona com a concepção do Cartão. “Os dois atores são um retrato da família brasileira que atendemos. São pessoas adoráveis, engajadas no bem-estar social e que conseguem se comunicar com todos os tipos de público”, destaca Veras.

Saiba mais no vídeo deste link.

Compartilhe: